Where are these incredible landscapes?/ Onde ficam essas paisagens incríveis?

(English below)

Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries
Nasa/Elderfox documentaries

Por mais que pareçam familiares, as imagens são de locais onde ser humano algum jamais pisou. Tratam-se de mosaicos realizados em resolução 4k de fotos tiradas pelos rovers de exploração de Marte.

O rover Curiosity, que explora atualmente a superfície do planeta, tem dentre diversos instrumentos científicos um espectrômetro do tipo quadrupolo, do tamanho de um forno microondas, acoplado. Há alguns anos atrás, ele realizou as primeiras datações de rochas feitas inteiramente fora do planeta Terra, direto na superfície de Marte, pelo método K-Ar de argilitos lacustres antigos, com idades entre 3,86 e 4,56 bilhões de anos. As fotos obtidas pela Curiosity mostram sem sombra de dúvidas que houve água em estado líquido na superfície de Marte (com evidências como por exemplo rochas de granulação fina, do tipo argila, com gretas de contração típicas de ambientes úmidos quando expostos) e a datação permite inferir quando foi que isto aconteceu. Grandes questões surgem em seguida, por exemplo, como foi que Marte deixou de ser esse mundo tão parecido com a Terra e se transformou na paisagem árida que vemos hoje?

Quais outras lições podemos aprender com o planeta vermelho? O rover mais recente, Perseverance, vai ser lançado dia 30 de Julho e dentre outras maravilhas tecnológicas leva o helicóptero Ingenuity, que vai tornar muito mais fácil rodar por Marte sem ficar preso na areia e pedras. O que as suas experiências científicas literalmente realizadas em outro mundo poderão nos revelar? Será que para criar e manter vida é preciso que um planeta tenha tectônica de placas ativa, como a Terra, gerando montanhas e oceanos que controlam as condições de oxigenação e de quantidade de nutrientes para a vida triunfar?

Podemos entender muito melhor nosso próprio planeta ao olhar para instantâneos de como ele poderia ter sido no passado e do que ele poderia ter se tornado caso tivesse seguido outro caminho, como vemos em Marte – e o que podemos fazer para evitar que nosso próprio mundo se torne também um planeta árido.

@nasajpl
Fotos: Elderfox documentários

As familiar as they seem, the images are of places where no human being has ever stepped. These are mosaics made in 4k resolution of photos taken by Mars exploration rovers.


The Curiosity rover, which currently explores the planet’s surface, has among several scientific instruments a quadrupole-type spectrometer, the size of a microwave oven, coupled. A few years ago, it performed the first dating of rocks made entirely off planet Earth, directly on the surface of Mars, by the K-Ar method of ancient lake rocks, aged between 3.86 and 4.56 billion years. The photos obtained by Curiosity clearly show that there was liquid water on the surface of Mars (with evidence such as, for example, fine-grained, clay-like rocks, with contraction cracks typical of humid environments when exposed) and dating tells when this happened. Big questions then arise, for example, how did Mars stop being that world so much like Earth and became the arid landscape we see today?


What other lessons can we learn from the red planet? The most recent rover, Perseverance, will be launched on July 30th and among other technological wonders it takes the Ingenuity helicopter, which will make it much easier to travel around Mars without getting stuck in the sand and rocks. What can the scientific experiments literally carried out in another world reveal to us? Is it necessary to create and maintain life that a planet must have active plate tectonics, like Earth, generating mountains and oceans that control the conditions of oxygenation and the quantity of nutrients for life to triumph?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: